avesdeportugal.info
© avesdeportugal.info - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por CiberAjuda.com
Felosa-dos-juncos
Acrocephalus schoenobaenus
A felosa-dos-juncos apenas ocorre durante as passagens migratórias, podendo ser surpreendida a cantar
durante a Primavera.
Onde observar

Entre Douro e Minho - há registos da sua ocorrência na veiga de São Simão.

Litoral centroé avistada regularmente em Salreu (ria de Aveiro), assim como no paul do
Taipal e no paul da Madriz, sendo estes os melhores locais de observação. Para além
destes locais, pode também ser visto na barrinha de Esmoriz.

Lisboa e Vale do Tejoo estuário do Tejo é um dos locais mais favoráveis para a
observação deste passeriforme. Pode também ocorrer em alguns pauis do vale do Tejo,
como o paul do Boquilobo e o paul do Secorio.

Alentejoo melhor local de observação encontra-se na lagoa de Santo André. Pode
também ser observado no estuário do Sado e na lagoa dos Patos. Esporadicamente
ocorre de passagem no interior do território.

Algarveos melhores locais de observação desta espécie são o caniçal de Vilamoura e
o Ludo. Também frequenta a Quinta do Lago e a Lagoa do Garrão. Também há bastantes
registos da sua ocorrência na ria de Alvor, mormente durante a passagem outonal.
Sabe quando chegam
as primeiras felosas-dos-juncos?
Veja as datas
aqui
Identificação
Pequeno passeriforme, semelhante a outras espécies como a felosa-aquática. Apresenta uma lista
supraciliar bastante marcada e quase branca, e um padrão pouco riscado no dorso, que é mais escuro que
o peito. Ao contrário da
felosa-aquática, não possui uma lista ao meio da coroa.

Abundância e calendário
Este pequeno migrador de passagem é pouco comum em Portugal, sendo mais frequente a sua captura e
marcação em redes de anilhagem que a sua observação no terreno. A sua presença é mais regular na
passagem outonal, sobretudo entre finais de Julho e início de Outubro. Pode também ser avistada nas
passagens primaveris entre meados de Fevereiro e meados de Abril. O seu habitat de eleição é o caniçal,
podendo ocorrer também junto de outra vegetação aquática. Só raramente é vista longe de água.
Fatbirder's Top 1000 Birding Websites