avesdeportugal.info
© avesdeportugal.info - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por CiberAjuda.com
Cegonha-preta
Ciconia nigra
Identificação
Espécie de fácil identificação, possuindo bico e patas
vermelhas chamativas, um padrão preto no dorso, asas,
pescoço e cabeça, e branco no abdómen. Dependendo da
luminosidade, é por vezes possível observar os reflexos
esverdeados nas asas, e alguns tons púrpura no pescoço
e cabeça. Ligeiramente mais pequena que a congénere
cegonha-branca, é bastante mais tímida, fugindo ao menor
sinal de perturbação. Dado ser uma espécie bastante
sensível à perturbação, a sua observação deve ser feita
com cuidado, evitando ao máximo causar danos nesta
população.

Abundância e calendário
Espécie rara, estando ameaçada devido, sobretudo, a
perda de habitat. Nidificam em Portugal poucas centenas
de casais, sendo a sua densidade baixa. Pode ser
observada em bandos pouco numerosos, durante as
concentrações de final de Verão. Nidificante, sendo
sobretudo estival, ocorre também um pequeno contingente
invernante. Este último, quase exclusivamente na metade
sul do território. Assim sendo, é uma espécie que ocorre
em maior número a partir de finais de Fevereiro até
Setembro, em seguida diminuindo muito de abundância.
Durante o Inverno, é bastante rara, havendo algumas
observações dispersas pelo Alentejo, geralmente na
proximidade de açudes ou albufeiras.
Pernas longas e vermelhas, bico longo e vermelho, e um padrão preto com reflexos esverdeados, fazem
desta uma das mais belas aves do nosso território.
Onde observar

A cegonha-preta euma especie esquiva e difícil de observar. As zonas remotas do interior são
aquelas onde a sua observação é mais provável.

Trás-os-Montespode ser vista ao longo do Douro Internacional, nomeadamente em
Miranda do Douro e na barragem de Picote; também ocorre ao longo do Baixo Sabor.

Beira interioro Tejo Internacional, a zona de Segura e as Portas de Ródão são os locais
mais favoráveis à observação da cegonha-preta, que também ocorre na zona de
Monfortinho e no vale do rio Águeda.

Lisboa e Vale do Tejo muito rara na região, tem sido observada ocasionalmente na zona
de Abrantes e, mais raramente, no estuário do Tejo.

Alentejo pode ser vista ao longo do vale do Guadiana (zonas de Mourão, Mértola e Mina
de São Domingos) e também na zona da barragem da Póvoa e nas imediações de
Marvão. Ocorre igualmente em Barrancos. Durante o Inverno, aparece esporadicamente
na lagoa dos Patos, na zona de São Cristóvão/Cabrela e na albufeira do Alqueva.

Algarve ocorre principalmente durante as épocas de passagem migratória, sendo o
cabo de São Vicente o melhor local para observar esta cegonha.
Fatbirder's Top 1000 Birding Websites