avesdeportugal.info
© avesdeportugal.info - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por CiberAjuda.com
Merganso-de-poupa
Mergus serrator
Este pato mergulhador de poupa e bico fino pouco se
assemelha à convencional forma que conhecemos dos
restantes patos da nossa avifauna.
Abundância e calendário
O número de aves que visita o nosso território é relativamente reduzido, sendo esta uma espécie pouco
comum. Como invernante, a melhor época de observação decorre de Novembro a Março, sendo uma
espécie típica de águas abertas de estuários e lagoas amplas, podendo também ser encontrada em
ambientes marinhos junto ao litoral.
Identificação
O merganso-de-poupa é um pato diferente da tipologia
habitual deste grupo, sobretudo devido ao bico fino e
comprido. Esta espécie ostenta uma característica poupa
eriçada na nuca. Tal como nos restantes patos, o macho e
a fêmea diferem substancialmente. O macho, mais
colorido, apresenta cabeça verde escura, o característico
bico fino avermelhado, um colar branco, e padrão no dorso
claro/escuro com uma larga banda branca nos flancos. Já
a fêmea, de tonalidade mais baça, apresenta o bico da
mesma cor, cabeça castanho-fulvo e restante corpo
acinzentado.
Onde observar

O estuário do Sado é, sem dúvida, o local mais favorável à observação desta espécie.

Entre Douro e Minho pode ser visto em números reduzidos no estuário do Cávado e no
estuário do Minho. Ocasionalmente observa-se no estuário do Lima.

Litoral centro pouco comum na região, sendo a ria de Aveiro o local mais favorável à
observação desta espécie.

Lisboa e vale do Tejo pode ser visto, em pequenos números, no estuário do Tejo,
nomeadamente no esteiro do Montijo.

Alentejo o melhor local para a observação deste pato é o estuário do Sado,
nomeadamente a zona da Mitrena e as águas frente à planície da Carrasqueira;
ocasionalmente a espécie aparece em albufeiras do interior.

Algarve raro nesta região, existem registos muito esporádicos na ria de Alvor.
Fatbirder's Top 1000 Birding Websites