avesdeportugal.info
© avesdeportugal.info - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por CiberAjuda.com
Papa-figos
Oriolus oriolus
Identificação
O macho adulto é fácil de identificar: cabeça e dorso amarelos, asas pretas e bico vermelho. A fêmea é mais
esverdeada e, quando em voo, pode confundir-se com o pica-pau-verde. Apesar de raramente pousar à
vista, o papa-figos faz ouvir com frequência o seu canto aflautado, sendo este muitas vezes o primeiro sinal
da sua presença. Deve, contudo, acautelar-se a possibilidade de se tratar de um
estorninho-preto, que imita
bem o canto do papa-figos.
Abundância e calendário
O papa-figos distribui-se de norte a sul e pode ser considerado comum na metade interior do território e
pouco comum na metade ocidental.
É um visitante estival que chega bastante tarde ao nosso país: a maioria dos machos faz-se ouvir a partir de
finais de Abril ou início de Maio e canta até ao princípio de Julho. Parte para África em Agosto, sendo já raro a
partir de Setembro.
Onde observar

Pode ser visto um pouco por todo o país, mas é claramente mais fácil de encontrar no interior.

Entre Douro e Minho – pouco abundante nesta região.

Trás-os-Montes – bastante comum, pode ser observado na serra do Larouco e no Douro
Internacional (concretamente, em Miranda do Douro e Barca d’Alva)

Litoral Centro – pouco abundante na região.

Beira interior – o papa-figos é bastante comum ao longo da faixa raiana e pode ser
observado na albufeira de Santa Maria de Aguiar, na zona de Vilar Formoso, na região do
Sabugal e no Tejo Internacional. Mais para oeste, ocorre também em Celorico da Beira,
nas serras de Montemuro e da Gardunha e na albufeira da Marateca.

Lisboa e Vale do Tejo – o paul do Boquilobo e a serra da Arrábida são alguns dos locais
mais favoráveis para observar esta espécie, que é pouco comum nesta zona.

Alentejo – comum e localmente abundante, pode ser visto com facilidade na região de
Castro Verde, na zona de Mértola e na vizinha Mina de São Domingos; tambem ocorre em
Barrancos; mais para norte, observa-se junto à barragem da Póvoa e na zona de Castelo
de Vide.

Algarve – ocorre por toda a região durante a época reprodutora, podendo ser visto por
exemplo na ria de Alvor.
Sabe quando chegam
os primeiros papa-figos?
Veja as datas
aqui
As cores vivas do papa-figos tornam esta ave bastante atraente, mas os seus hábitos discretos fazem com
que seja muito mais vezes ouvido que visto.
Links externos

Golden Oriole
Group
Fatbirder's Top 1000 Birding Websites