avesdeportugal.info
© avesdeportugal.info - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por CiberAjuda.com
Flamingo
Phoenicopterus roseus
Uma das mais emblemáticas aves selvagens que ocorrem em Portugal, o flamingo pode hoje em dia ser
observado com relativa facilidade, mesmo às portas de Lisboa. O “lençol” rosado formado pelos grandes
bandos de flamingos que se alimentam num estuário constitui uma imagem única.
Identificação
Enorme, rosado, com longas patas e com um bico espesso, o flamingo é uma ave inconfundível e pode ser
reconhecido a grande distância.

Abundância e calendário
No passado o flamingo era muito raro em Portugal, mas desde o final da década de 1980 a presença de
grandes bandos de flamingos passou a ser habitual nas principais zonas húmidas portuguesas, não sendo
raro observar concentrações de muitas centenas de indivíduos.
Embora não nidifique no nosso país, pode ser observado ao longo de todo o ano. Os movimentos algo
erráticos desta espécie não permitem classificá-la como residente nem como invernante.
Onde observar

As grandes zonas húmidas do litoral centro e sul são os locais mais favoráveis à observação de
flamingos.

Litoral centro os flamingos aparecem regularmente na Ria de Aveiro, no estuário do
Mondego e na lagoa de Óbidos podendo ser observados com facilidade em qualquer um
destes locais.

Lisboa e Vale do Tejo o local que reúne maiores concentrações de flamingos e onde a
espécie pode ser encontrada ao longo de praticamente todo o ano é o estuário do Tejo,
nomeadamente nas lezírias da Ponta da Erva, na zona de Pancas e no sítio das Hortas e
na ribeira das Enguias; por vezes alguns flamingos surgem na margem direita do rio,
podendo ser vistos no Parque do Tejo e nas salinas de Alverca.

Alentejo o estuário do Sado acolhe regularmente algumas centenas de flamingos;
ocasionalmente a espécie pode também ser vista na lagoa de Santo André, na lagoa dos
Patos e noutros açudes do interior alentejano.

Algarveo Ludo e a reserva de Castro Marim são os dois locais do Algarve onde se
podem ver concentrações de algumas centenas de aves; a espécie também ocorre com
alguma regularidade na ria de Alvor, no estuário do Arade e na lagoa dos Salgados, mas
geralmente em números reduzidos.
Fatbirder's Top 1000 Birding Websites