avesdeportugal.info
© avesdeportugal.info - Todos os direitos reservados. Desenvolvido por CiberAjuda.com
Este pequeno cabo, pouco visível devido à baixa altitude a que se
situa, encontra-se numa zona totalmente desprovida de árvores. O
solo é composto por dunas e rochedos e a pouca vegetação existente
é arbustiva ou herbácea, por isso a avifauna terrestre é muito
escassa. No entanto, este é um local de excelência para observação
de aves marinhas.
Cabo Raso
Visita:
Dado que o Cabo Raso é um local especialmente indicado para observar aves marinhas e pouco
interessante para outras aves, a visita decorre de forma “estática”. O ideal é procurar um ponto de
observação e ficar a olhar para o mar, observando as aves que passam ao longo da costa. O melhor ponto
de observação situa-se à direita do farol. É conveniente chegar ao local ao nascer do sol ou, o mais tardar,
meia hora depois, pois é nas primeiras duas horas do dia que há maior movimento de aves marinhas. Ao
fim da tarde também pode haver algum movimento, contudo a luz contrária torna esta hora menos favorável.
O número de aves que passam no mar varia fortemente de uns dias para outros, em função do estado do
tempo e do mar e as espécies presentes também variam ao longo do ano. Relativamente às
especialidades, os melhores meses para as observar são:
Nos rochedos em frente ao farol observa-se regularmente o maçarico-galego e nas dunas junto à estrada
vê-se por vezes a
cotovia-de-poupa.
Fatbirder's Top 1000 Birding Websites
Melhor época: Setembro a Março

Distrito: Lisboa
Concelho: Cascais
Onde fica: cerca de 30 km a oeste de Lisboa e 6 km a oeste de Cascais. A partir de Lisboa, pela A5 até
Cascais e depois pela N247 junto à costa, passando o farol da Guia e seguindo mais 5 km até ao Cabo
Raso.


Caso pretenda conhecer outros locais para observar aves nesta região, sugerimos: